Romanos 3:6 – Deus julgará o mundo

Romanos 3:6, “De maneira nenhuma! Se Deus não pudesse nos castigar, como ele poderia julgar o mundo?”. (VFL)

É injusto Deus punir? Se a injustiça do homem (como a rejeição do Messias por parte de Israel) dá ocasião para a justiça de Deus se mostrar, isso não é uma coisa boa? Se minha maldade se torna uma ocasião para Deus manifestar Sua justiça, certamente isso não pode ser ruim. E se o ruim saiu bem, como Deus pode punir por isso?

Essa maneira de pensar é a filosofia popular hoje do relativismo. Não existe certo ou errado absoluto (exceto esta afirmação sendo um certo absoluto para eles). Se algo é certo ou errado depende do resultado (‘os fins justificam os meios’). Claro, essa é uma filosofia que as pessoas adotam porque não querem ser responsabilizadas por suas escolhas.

Mas uma verdade absoluta (quer eles aceitem ou não) é que Deus julgará o mundo pelo padrão justo que Ele revelou na Bíblia. E quando Deus julga, não o faz pelo resultado, pois tudo O glorificará. Ele é Aquele com poder e sabedoria para transformar qualquer ação em glória para Ele. A capacidade de fazer isso não é um crédito para o pecador, mas para um Deus onipotente e onisciente. Que você e eu sempre busquemos glorificá-Lo em tudo o que fizemos.

Veja outros textos:

Conheça os nossos cursos online:

A Escola da Bíblia oferece diversos cursos online. Clique aqui para ver todos.

Receba notícias por email:

Sua informação está segura.

Veja outros textos:

CURSO GRATUITO!!!

Temos um curso online e gratuito para você! Clique no botão abaixo para saber mais: